Dammit!

Nessa moda de voltas e desvoltas – ou seriam reviravoltas? -, o Blink 182 e seu ex-baixista Mark Hoppus ainda têm esperanças. Hoppus, em recente entrevista, disse que o futuro da banda estava em aberto. Mas, ao mesmo tempo, resolveu dar uma de popstar e anunciar que pretende lançar um CD solo, deixando pra trás a banda +44, que iniciou ao lado de Travis logo após o término do Blink 182.

Sabemos, então, que podemos esperar mais uma aventura de vocalistas que tentam a sorte na carreira solo. Não sei bem o que esperar: o Mark dos tempos do Blink, escrachado e cheio de brincadeiras e caretas ou o enérgico e um pouco mais sério vocalista do +44. Como ele tem atacado de produtor de bandas lá pras gringas, posso imaginar um músico mais maduro – mas não duvido que me choque.

Enquanto isso, Tom DeLonge parece estar simplesmente perdido em algum lugar da face da terra. Abandonando a BoxCar Racer e deixando sabe-se lá como a Angels&Airwaves, fico pensando o que estará fazendo Tom, cara que também amadureceu muito – musicalmente, óbvio – desde o início da banda que o consagrou como eterno frontman da banda que mais deu o que falar entre adolescentes.

Anúncios

~ por Isadora Muller em janeiro 19, 2009.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: